ESP - CATALUNHA/PLEBISCITO - INTERNACIONAL - Portanto bandeiras da Espanha, manifestantes contrários a independência da Catalunha     realizam protesto no centro de Barcelona, neste sábado (30). O governo regional catalão      programou para amanhã (1º) um plebiscito sobre a independência da região, embora o     Tribunal Constitucional da Espanha tenha suspendido a votação.    30/09/2017 - Foto: FELIPE DANA/ASSOCIATED PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

A França indicou nesta quarta-feira (11) que irá considerar ilegal “qualquer declaração unilateral de independência” das autoridades catalãs, assim como a Alemanha, que afirmou que “trata-se de um problema interno, mas que a separação não teria nenhum reconhecimento”. A informação é da Agência EFE.

A porta-voz diplomática francesa indicou que a situação na Catalunha é acompanhada com preocupação após “as declarações” de ontem do presidente da Generalitat, Carles Puigdemont.

“Qualquer solução a esta crise interna tem que ser resolvida no marco institucional espanhol”, disse.

A porta-voz reiterou que “a unidade e a legalidade constitucional devem ser respeitada e preservada”.

O presidente da França, Emmanuel Macron, também mostrou com firmeza o seu apoio ao marco constitucional espanhol e apontou o presidente do Governo, Mariano Rajoy, como o seu único interlocutor na Espanha.

O Governo alemão rejeitou se envolver no conflito catalão ao vê-lo como “um assunto interno espanhol”, mas disse apostar no diálogo dentro da Constituição e garantiu que uma declaração de independência por parte das instituições catalãs “não teria nenhum reconhecimento”.

“Qualquer tipo de declaração de independência por parte das instituições catalãs seria ilegal e inaceitável e não teria nenhum reconhecimento”, explicou em coletiva de imprensa a vice-porta-voz do Executivo, Ukrike Demmer.

Berlim descartou uma mediação europeia no conflito catalão porque, reiterou, “é um assunto interno da Espanha” que deve ser abordado dentro da ordem democrática e constitucional desse país.

Por: Agência Brasil

http://xinguaraativa.com.br/wp-content/uploads/2017/10/catalunha.jpghttp://xinguaraativa.com.br/wp-content/uploads/2017/10/catalunha-150x150.jpgGesiel TeixeiraMundo

A França indicou nesta quarta-feira (11) que irá considerar ilegal 'qualquer declaração unilateral de independência' das autoridades catalãs, assim como a Alemanha, que afirmou que 'trata-se de um problema interno, mas que a separação não teria nenhum reconhecimento'. A informação é da Agência EFE. A porta-voz diplomática francesa indicou que...
Compartilhe: Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn