Bandidos que furtaram R$ 3 milhões do genro do governador Jatene usaram rádio da polícia (Foto: Via/WhatsApp)

Uma das salas do condomínio revirada após a ação dos bandidos na noite do último sábado e madrugada de domingo (Foto: Via/WhatsApp)

Os bandidos que roubaram o condomínio Mirai Office, na noite do último sábado (7), em Belém, usaram rádios com frequência da polícia para monitorar os passos dos homens da lei enquanto agiam por cerca de seis horas, segundo uma pessoa ligada à administração do prédio que não quis se identificar.

Porta ficou destruída com a ação dos bandidos(Foto: Via/WhatsApp)

Em áudio enviado ao DOL, ele sintetiza o que apurou, até então, e afirma que pela falta de conhecimento deve ser uma quadrilha vinda de fora. Ouça na íntegra:

POLÍCIA

O DOL entrou em contato com a Polícia Civil, que investiga o caso e fomos informados que a equipe da Divisão de Repressão a Furtos e Roubos (DPFR), coordenada pelo delegado Ricardo Rosário está investigando e tentando levantar mais informações. As informações não foram confirmadas.

(DOL)

http://xinguaraativa.com.br/wp-content/uploads/2017/10/destaque-457169-apartamento888.jpghttp://xinguaraativa.com.br/wp-content/uploads/2017/10/destaque-457169-apartamento888-150x150.jpgGesiel TeixeiraParáPolíciaBandidos que furtaram R$ 3 milhões do genro do governador Jatene usaram rádio da polícia
Os bandidos que roubaram o condomínio Mirai Office, na noite do último sábado (7), em Belém, usaram rádios com frequência da polícia para monitorar os passos dos homens da lei enquanto agiam por cerca de seis horas, segundo uma pessoa ligada à administração do prédio que não quis se...
Compartilhe: Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn