Atoleiro na PA-287 pode deixar cidade isolada no interior paraense (Foto: Divulgação)

Problema é recorrente na rodovia, no Sul do Pará. (Foto: Divulgação)

Com a intensificação do período chuvoso na região do sul do Pará, a população do município de Cumaru do Norte, começa a sofrer os problemas de atoleiros, lamaçal e interrupção do tráfego na principal rodovia que liga Cumaru do Norte, aos municípios de Redenção, Santa Maria das Barreiras, Santana do Araguaia e Rodovia BR-158.

O trecho de 90 quilômetros, na Rodovia PA-287 que liga a cidade de Cumaru do Norte a BR-158, nessa época do ano, se torna uma maratona com obstáculos, para motoristas e passageiros que utilizam a principal via de acesso à cidade e ramais das colônias localizadas às margens da rodovia. As dificuldades ocorrem devido os inúmeros atoleiros que se formam ao longo trecho.

No período do verão a viagem de ônibus de Redenção à sede do município dura em média 2h30. No período do inverno, por causa da lama e atoleiros, os motoristas gastam o dobro do tempo para chegar ao destino, isso quando os veículos não quebram no meio do caminho.

Há trechos do percurso que passageiros de ônibus, vans e veículos de passeios são obrigados a descer para empurrar o carro em meio ao lamaçal.

(Diário do Pará)

http://xinguaraativa.com.br/wp-content/uploads/2018/01/destaque-478098-r23r23.jpghttp://xinguaraativa.com.br/wp-content/uploads/2018/01/destaque-478098-r23r23-150x150.jpgGesiel TeixeiraDestaquesGovernoObrasParáAtoleiro na PA-287 pode deixar cidade isolada no interior paraense
Com a intensificação do período chuvoso na região do sul do Pará, a população do município de Cumaru do Norte, começa a sofrer os problemas de atoleiros, lamaçal e interrupção do tráfego na principal rodovia que liga Cumaru do Norte, aos municípios de Redenção, Santa Maria das Barreiras, Santana...
Compartilhe: Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn